10 Coisas proibidas que você nunca deve dar a um animal de estimação


Todo mundo que tem um animal de estimação sabe que os animais colocam na boca tudo o que encontram, independentemente de se tratar de comida ou de um objeto. 

Os cães tendem a ser rápidos quando algo cai no chão, os gatos mastigam plantas e os hamsters mordem qualquer coisa. No entanto, devemos ter cuidado, pois muitas coisas podem ser tóxicas para animais de estimação comuns.

10 coisas incríveis que são tóxicas para o seu animal de estimação

1- Cebola

As cebolas são muito venenosas para cães e gatos por causa de compostos como o dissulfeto de N-propil e o n-propiltiosulfato. Ingeri-los reduz a formação de um importante antioxidante chamado glutationa, aumentando os níveis tóxicos de peróxido de hidrogênio.

Isso altera a estrutura da hemoglobina e faz com que as proteínas da hemoglobina se desmembrem e se agrupem. 

Isso pode aumentar o risco de anemia e a consequente falha orgânica. Animais de estimação são muito suscetíveis à anemia. Os sintomas incluem fraqueza, vômito, diarreia e produção de saliva hiperativa.

2- Uvas e passas

Uvas podem ter sérias consequências. Não se sabe por que, mas elas fazem com que os cães desenvolvam insuficiência renal aguda, com sintomas como vômitos, diarreia, perda de apetite, fraqueza e falta de produção de urina. É necessária atenção médica imediata.

3- Lírios

Gatos gostam de mastigar plantas sem nenhuma razão específica. No entanto, isso pode se tornar uma emergência se a planta for um lírio, uma vez que são extremamente venenosas para os gatos. 

Seu consumo causaria depressão, vômitos e desidratação. O gato pode apresentar insuficiência renal se não for tratado.

4- Massa de pão

Animais de estimação podem morrer de envenenamento por álcool se consumirem massa de pão cru feita com fermento. 

Isso ocorre porque o ambiente quente e úmido do estômago faz com que a levedura seja submetida à fermentação do etanol, um processo metabólico no qual os açúcares quebram o dióxido de carbono e o etanol. 

Preste atenção a sintomas como vômitos, fraqueza, pulso rápido ou hipotermia.

5- Vagalumes

Os vaga-lumes são muito bonitos, mas podem ser a morte de alguns répteis, como camaleões ou lagartos ou anfíbios, como sapos. Eles contêm venenos de autodefesa que, quando ingeridos, podem ser letais.

Depois de comer esse inseto, os lagartos vomitam e mudam a cor da pele para escura. Tente alimentar seu animal de estimação com insetos que você sabe que são seguros e nutritivos.

6- Chocolate

O chocolate pode ser muito perigoso para os animais, pois contém dois compostos responsáveis ​​pelos efeitos energéticos: teobromina e cafeína. Isso ajuda a estimular a atividade muscular do cérebro e do coração.

Em doses elevadas, pode causar superestimulação muscular que termina em ritmos cardíacos anormais, tremores, diarreia e insuficiência cardíaca. Cuidados devem ser tomados e mantidos fora do alcance de cães, gatos e outros animais.

7- Nozes de macadâmia

Os cães podem sofrer vômitos, hipertermia, fraqueza, paralisia leve e tremores musculares se ingeridos. A causa é desconhecida. 

Pode ser um subproduto fúngico tóxico, como um produto natural semelhante a uma noz ou algo introduzido durante a fabricação.

8- Adoçantes

Os cães não devem comer alimentos doces. O xilitol é um álcool de açúcar que geralmente é adicionado a alguns doces. Quando um cão o ingere, desencadeia uma liberação de insulina que faz com que as células extraiam açúcar do sangue.

Isso atinge uma diminuição repentina na glicose no sangue do cão, resultando em hipoglicemia. Os sintomas podem ser vômitos, perda de coordenação e convulsões.

9- Abacate

O abacate é venenoso para quase todos os seres vivos, exceto os humanos, que são um dos poucos mamíferos que toleram essa fruta. 

Contém uma substância antifúngica natural conhecida como persina, que causa necrose no coração e nas glândulas mamárias de várias espécies.

Não existem dados sobre cães e gatos, mas sobre animais de estimação, como coelhos, ratos, cavalos, ovelhas e outros animais que morreram após ingerir abacate.

10- Sagu-de-jardim

Parece uma palmeira tropical em miniatura e pode ser perfeita para o jardim. No entanto, a ingestão desta planta pode ser mortal para o animal de estimação, pois contém inúmeras toxinas. 

O mais conhecido é a cicasina, um composto que após o consumo se torna um composto chamado metilazoximetanol que causa insuficiência hepática.

Também é cancerígeno e pode causar mutações prejudiciais. Eles geralmente causam vômitos, aumento da sede e urina, sangramento e sinais neurológicos. Foi observado em cães, ovelhas e gado. Os seres humanos também são suscetíveis a isso.

Estas são apenas algumas das coisas que são tóxicas para nossos animais de estimação. Isso ocorre porque os animais não têm o mesmo metabolismo que os seres humanos e podem custar muito mais para digerir coisas que os seres humanos conseguem sem esforço. De fato, alguns se tornam letais.

O que você acha? Você sabia que eles podem ser coisas perigosas para o seu animal de estimação? Conte nos comentários!


Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *