20 Plantas medicinais que podemos cultivar em casa

You are currently viewing 20 Plantas medicinais que podemos cultivar em casa

É sempre bom ter plantas medicinais em casa para usar quando precisar. Existe uma longa lista de ervas medicinais que você pode cultivar em casa. Algumas podem ser usadas ​​como chás ou temperos, outras apenas como temperos, outras apenas como chás. Todas elas podem ser extraídas tinturas em álcool, óleos ou pós para uso medicinal.

Mostramos abaixo alguns exemplos de plantas medicinais e ervas que são realmente fáceis de cultivar em sua casa. Aqui estão 22 plantas medicinais que você pode começar a cultivar em casa:

1. Alho

Pode ser plantado quase em qualquer época do ano. Gosta de luz natural e solo bem drenado. O bom é que cultivar alho não vai nos dar muito trabalho.

Propriedades:

O alho é um alimento com muitos benefícios e propriedades. Atua como anticoagulante, antibacteriano, antibiótico e antioxidante, além de combater a congestão nasal, entre muitas outras propriedades.

2. Absinto

Precisa de meia sombra, solo argiloso. Ela se adapta a solos pobres e condições climáticas adversas.

Propriedades:

O absinto ajuda a combater o mau hálito, cólicas menstruais, azia e até anemia. Também é um ótimo repelente para insetos, incluindo piolhos.

O absinto, com seu amargor que desagrada a muitos paladares, é uma erva medicinal muito poderosa com qualidades reconhecidas pela medicina tradicional chinesa há milhares de anos. Na medicina popular, esta e outras ervas amargas sempre foram usadas para evitar problemas de fígado.

3. Manjericão

É uma planta que vem do Sul da Ásia, Indonésia e Índia. Pode ser plantada em vasos, mantida à meia-sombra e regada em abundância. Reproduz por estacas ou sementes, planta em solo bem drenado, fertiliza regularmente, é muito sensível ao frio, pode ser cultivada no interior da casa.

Propriedades:

O óleo contido nas folhas destrói bactérias e insetos. O suco das folhas alivia bronquites, febres, resfriados, dores de garganta e problemas digestivos. Graças ao seu cheiro e sabor aromático suave, é utilizado como tempero. 

Uma infusão de folhas frescas e gotas de limão alivia dores de estômago e espasmos intestinais. A infusão de suas folhas é diurética, estimulante, digestiva e relaxante; o suco das folhas com mel de abelha alivia a febre. Sua principal utilização é no combate à fadiga e à depressão, devido ao seu valor como ativador do sistema imunológico.

4. Babosa

É plantada em vasos bem drenados, não necessita de cuidados excessivos. É uma planta medicinal muito fácil de usar e fácil de cuidar.

Propriedades:

É muito útil para aplicar em cortes, feridas, picadas de insetos, queimaduras e cicatrizes, ideal para refrescar a pele seca. Melhora a aparência da pele com tendência acneica. Purificador de ar natural para casa.

O melhor é usar a gelatina interna de suas folhas e fazer um gel para uso externo.

5. Salsão

Gosta de climas quentes e solos com muitos nutrientes, pode ser plantada em vaso.

Propriedades:

Tem ação diurética, serve no combate à constipação, alivia a azia, é fonte de cálcio, reduz o colesterol, repõe os eletrólitos perdidos na atividade física e possui propriedades anti inflamatórias.

6. Arnica

Arnica montana é a espécie mais comumente usada em preparações medicinais hoje, entretanto as outras espécies do gênero Arnica têm sido tradicionalmente usadas em diferentes partes do mundo.

Gosta de solo argiloso, leve, plantar em local isolado ou em vaso fora do alcance de crianças ou animais de estimação.

Propriedades:

É um poderoso anti inflamatório geralmente usado topicamente para tratar hematomas, inflamações causadas por picadas de insetos e doenças reumáticas.

7. Bardana

Precisa de solo profundo, porque suas raízes crescem muito, gosta de solo fertilizado, gosta de semi-sombra, pode ser cultivado em vasos fundos.

Propriedades:

Bardana é frequentemente usada para problemas dermatológicos, artrite e infecções. Na Europa, a raiz e as folhas têm sido tradicionalmente usadas, enquanto a medicina chinesa prefere as sementes e muitas vezes as inclui em tratamentos para o resfriado comum.

8. Dente de leão

Cresce naturalmente em muitos jardins, o que muita gente não sabe é que a sua flor é doce e as folhas mais novas são muito saborosas nas saladas, é uma planta comestível da raiz à flor e com muitas propriedades, para o conseguir podemos usar a sementes retirando-as dos pompons e pode ser semeada em qualquer tipo de solo, é uma planta muito resistente.

Propriedades:

A folha do dente-de-leão tem mais ferro e cálcio do que o espinafre. Possui muitas propriedades, talvez a mais conhecida seja a estimulação da atividade hepática. A infusão de dente-de-leão auxilia no metabolismo do fígado, eliminando toxinas com mais facilidade, aumenta o fluxo da bile e auxilia na digestão das gorduras.

Não use dente-de-leão se estiver grávida ou tomando antibióticos, anticoagulantes ou medicamentos de proteção gástrica contendo lítio.

9. Hortelã

É uma planta aromática amplamente utilizada para diversos usos, como infusões. Plantar hortelã é uma tarefa muito simples. Adapta-se muito bem a diferentes climas e necessita apenas de luz e muita humidade.

Propriedades:

Útil no tratamento de casos de diarreia, sua aplicação também é recomendada para o alívio de cólicas estomacais. Possui propriedades carminativas, pois favorece a eliminação dos gases acumulados no trato digestivo, sendo muito útil no tratamento de casos de meteorismo e flatulência. 

Possui propriedades antidismenorreias, por isso é altamente recomendado para o tratamento de períodos que apresentam dor excessiva. Além disso, a hortelã é um sedativo leve, por isso é muito bom no tratamento de casos de nervosismo, também situações de ansiedade ou dificuldades para dormir.

10. Erva-doce

É fácil cultivar erva-doce a partir da mesma semente e pode crescer até 2 m de altura, também adora o sol e o solo seco e rico.

Propriedades:

Esta planta é um analgésico digestivo. É por isso que os restaurantes indianos colocam pequenos recipientes com sementes de erva-doce sobre a mesa para mastigar depois do jantar. Seu ingrediente ativo é o anetol, que relaxa os músculos do estômago e facilita a digestão.

11. Jasmim

É caracterizada pelo seu perfume requintado e pela infinidade de benefícios que traz para a nossa saúde a nível mental e físico.

Jasmins são plantas de climas quentes, preferem o sol. A terra deve ser bem drenada e bem nutrida. Temos que encontrar um lugar para elas com espaço suficiente para tornar mais fácil cuidar delas. 

Propriedades:

É usada na medicina natural para eliminar o estresse e a depressão. As flores frescas contêm substâncias com propriedades afrodisíacas e no chá (muito popular na China) acelera o metabolismo, o que ajuda na perda de peso, na purificação de toxinas e na digestão.

Sem dúvida, a sua maior contribuição é dada ao mundo da perfumaria, cosmética e aromaterapia, sendo um dos ingredientes essenciais em muitos perfumes.

12. Lavanda

Plante em vasos com solo bem drenado, gosta do sol.

Propriedades:

A Lavanda é uma planta medicinal que possui muitas propriedades, destaca seus efeitos calmantes e relaxantes, por isso é normalmente utilizada no tratamento de ansiedade, insônia, depressão e problemas associados a alterações de humor. É anti-séptico e antiinflamatório, aromatiza e serve para afastar os insetos.

Mas a coisa não para por aí, existem muitos outros benefícios da lavanda para tratar muitas outras doenças se a usarmos na forma de chá, infusão ou óleo: o chá de lavanda ajuda a melhorar a inflamação da bexiga e problemas urinários, panos de água de flores de lavanda reduzir os níveis de dor de cabeça, o óleo de lavanda ajuda a aliviar o reumatismo, o tônico de lavanda é frequentemente usado na aromaterapia para ajudar a relaxar.

13. Camomila

É fácil de crescer, cresce muito bem em qualquer tipo de solo e a pleno sol.

Propriedades:

É um bom remédio para dores de cabeça, dores musculares ou dores de estômago. O óleo essencial de camomila contém mais de 120 componentes medicinais.

14. Melissa

Melissa, erva-cidreira, citronela ou folha de limão é uma erva perene da família Lamiaceae, nativa do sul da Europa e da região mediterrânea.

Parente de hortelã não requer muitos cuidados, posto na semi-sombra, não gosta do frio. É uma planta que se propaga pelas raízes que saem dos ramos, colocando-as no solo dá origem a novas mudas.

Propriedades:

Sedativo, antidepressivo, estimulante digestivo, vasodilatador periférico, diaforético, restaurador e relaxante do sistema nervoso, antiviral e antibacteriano. Uma xícara de folhas verdes frescas ou secas é ingerida 3 vezes ao dia para depressão, exaustão nervosa, indigestão ou náusea. Amplamente utilizado na Grécia antiga.

Muito perfumado, é utilizado na culinária para dar sabor a saladas, peixes e pratos doces.

15. Orégano

Cresce em todos os tipos de climas, eles só precisam de solo úmido fértil. Gosta de luz, mas também tolera sombra. Ele se espalha rápido e cresce bem em vasos.

Propriedades:

Usado para perda de peso, promovendo o sistema digestivo, tratando infecção sinusal, dor de dente. 

É antibacteriano, antioxidante, antifúngico, antiinflamatório, anti-histamínico (para ajudar no tratamento de alergias), alivia doenças de pele, combate doenças respiratórias, é usado para tratar congestão nasal e pulmonar, alivia dores musculares, diminui cólicas menstruais, alivia dores de estômago, estimulante imunológico. 

O chá alivia tosse, indigestão, cãibras musculares e dores de cabeça, além de ser antifúngico.

16. Urtiga

A urtiga é uma erva que normalmente aparece nas bordas de manchas e florestas temperadas. É coberta por pêlos ocos que contêm acetilcolina e outras substâncias poderosas. Ao entrar em contato com a pele, os pelos se rompem, injetando essas substâncias na pele e causando dor.

A planta prefere solo úmido e rico em nutrientes, semelhante ao solo fértil da floresta temperada.

Propriedades:

É um remédio caseiro para anemia, devido ao seu alto teor de ferro. É muito útil para fortalecer o sangue e o fígado. A infusão de urtiga é um remédio caseiro para gota, anemia, edema, eczema, pedras nos rins e inflamação urinária.

17. Salsa

É uma planta robusta que cresce anualmente, sua folhagem é verde brilhante e crespa e é rica em vitamina C.

Ele gosta de sol, água e bom composto.

Propriedades:

Potenciador do sistema imunológico, reduz o mau hálito, para consumir basta amassar algumas folhas e comer, cerca de uma colher de sopa por dia seria adequado. 

É excelente para realçar os cabelos escuros e é um bom antídoto para a caspa. Pessoas com pele muito oleosa podem aplicar um creme nutritivo anti-acne à base de salsa e lavanda, bem como leite de hortelã e salsa. 

Este tratamento, combinado com uma máscara facial semanal, pode produzir resultados muito perceptíveis. Também à base de salsa, as loções são feitas para os olhos e contra as rugas e um excelente líquido para limpar a boca.

18. Alecrim

O alecrim gosta do sol, num vaso grande e com boa drenagem, não precisa de muito fertilizante ou água.

Propriedades:

É um remédio eficaz contra a caspa que, como um magnífico condicionador e tônico capilar, deixa os cabelos com brilho e aparência saudável; também pode ser preparado em casa. 

O alecrim também é bom para fazer tratamentos faciais, para mergulhar na água do banho e para esfregar a pele. O alecrim é usado para tratar a hipertensão, o excesso de peso ou a queda de cabelo. É muito bom para problemas digestivos, antiespasmódicos, sedativos, tônico, diurético e estimulante do sistema nervoso.

19. Sálvia

Ela agrupa cerca de 224 gêneros e 5.600 espécies, muitas das quais são cultivadas para fins ornamentais, culinários ou medicinais. É uma planta nativa do Mediterrâneo que possui muitas variedades no mundo. Seu uso medicinal remonta aos tempos antigos.

Não gosta do frio, pouca irrigação e solo bastante calcário.

Propriedades:

É usado em infusões para excitar as secreções e tonificar o sistema nervoso. Alivia a dor do estômago e dos órgãos digestivos, diarreia, dispepsia, vômitos nervosos, resfriados, febres, gota, reumatismo crônico, congestão cerebral.

Favorece a cicatrização de úlceras de perna e ativa a circulação sanguínea. Eficaz no diabetes, reduz o açúcar no sangue. Também tem sido usado no tratamento de doenças convulsivas e cólicas intestinais, bem como no tratamento de artrite e para suavizar tumores e calos do baço.

Na cozinha é utilizado para temperar carnes.

20. Tomilho

Poucas cozinhas não possuem esta erva, que por muito tempo também foi apreciada por suas propriedades anti-sépticas. No século passado e no início do presente era usado para acalmar e desinfetar as feridas dos soldados.

Gosta de sol, boa drenagem, pouca água e bastante calcário.

Propriedades:

O tomilho continua a ser usado em sabonetes e antisépticos, e seu papel é importante em muitos produtos de higiene pessoal feitos em casa. Faz um tônico facial refrescante e adstringente, um relaxante escalda-pés, um bom aditivo de água de banho, além de um delicioso xampu.

Deixe uma resposta