4 Atitudes Que Estão Desgastando o Seu Relacionamento Com Seu Filho


Estar no comando da educação de uma pessoa não é nada simples. Cada criança apresenta suas próprias necessidades, das quais devemos nos encarregar. Ao mesmo tempo, apresenta virtudes que é nossa tarefa saber como encorajar e capacitar.

Educar não é alguém apenas a escrever e ler. Dar um dispositivo tecnológico a uma criança para seu aniversário não é sinônimo de ser bem-educado. 

Educar é muito, muito mais que isso. É ensinar a dizer “não” e também dizer “sim”. Moldar os corações dos nossos filhos para que eles tenham as ferramentas necessárias para enfrentar a vida é o mais importante. É construir um laço emocional duradouro com uma boa base.

É importante que cada criança entenda que seus pais estarão presentes para ele, contanto que a vida permita. No entanto, há momentos em que sabemos o que precisa ser feito, mas é difícil colocar em prática. E a dificuldade está em ser pais e também tudo o mais que somos. 

Advogados, amigos, seja o que for. Precisamos encontrar o equilíbrio certo para fazer tudo o que devemos e o que queremos também. Não é uma tarefa fácil.

Se você tem filhos, você se lembrará dos estágios da sua infância e saberá o que mais valorizou e o que não valorizou, isso faz parte das coisas de que seu filho precisa. 

Quer você seja feliz ou não quando criança, você sempre saberá o que é bom para uma criança e o que não é.

Atitudes que desgastam a relação entre pais e filhos

1. Não escutar

É completamente natural que uma criança fique perguntando e falando o tempo todo. Eles podem perguntar sobre tudo, qualquer tipo de coisa e saberão como observar cada detalhe. 

A verdade é que as crianças têm sede de conhecer, experimentar e se relacionar com tudo o que acontece ao seu redor. 

É por isso que você deve saber que, se estiver reprimindo esse desejo de seu filho, você o prejudicará constantemente. 

A única coisa que você vai conseguir é que cada vez que você fala menos e menos ampliando o espaço entre ele e você.

2. Punições que indicam falta de confiança

Existem centenas de pais que consideram que educar é punir. 

Para eles, essa cota de autoridade e reconhecimento em relação ao idoso deve estar sempre presente. Como também a presença de punição para quem não atende às suas ordens.

Este ambiente educacional a única coisa que vai sair é um buraco na autoestima dos pequenos. A insegurança estará presente e também o vínculo emocional entre pai e filho desaparecerá pouco a pouco.

As punições devem ser bem dirigidas. Para marcar uma criança o que ele faz de errado e nunca lhe dizer como ele deve fazer as coisas é desfavorável para o seu desenvolvimento. 

3. Comparar com outras crianças

Poucas coisas são tão prejudiciais para uma criança quanto comparar seus irmãos ou a outra criança. Nós nunca devemos tirar sarro de qualquer habilidade escassa que ele tem.

É um erro comum as crianças ouvirem os pais dizerem tudo e, às vezes, os pais falarem como se as crianças não tivessem entendido. A verdade é que devemos ter muito cuidado com o que dizemos diante de nossos filhos.

4. Dar muitas ordens e poucos argumentos

Ser dado ordens durante todo o dia a uma criança pode levar a graves abusos psicológicos. Se não prestarmos atenção a isso, a personalidade de uma criança pode ser destruída, assim como sua confiança.

Certos pais não conhecem outra maneira de educar seus filhos do que gritar com eles. A verdade é que esta é a maneira menos eficaz de ensinar algo a alguém. 

Estar gritando com uma criança o tempo todo irá gerar uma sensação de estresse constante que certamente terá sérias consequências. 

Você tem que ter cuidado e sempre ouvir seus filhos. Os pequenos valorizarão mais uma conversa com os fundamentos antes das ordens sem qualquer tipo de justificativa.

Deixe um comentário e diga: o que você acha? Você acha que o relacionamento enfraquece se você fizer essas 4 coisas?


Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *