A história mais linda que você já viu: Os avós que se encontram em uma casa de repouso e se casam aos 96 anos

You are currently viewing A história mais linda que você já viu: Os avós que se encontram em uma casa de repouso e se casam aos 96 anos

O amor é um campo misterioso, cheio de caminhos e passagens que só os corajosos se atrevem a percorrer. Às vezes tão mística e em outras histórias, uma verdadeira lição de afeto, até de ternura.

Bem, para o amor, não há absolutamente nenhum tempo ou distinção de qualquer tipo. Esta é a história comovente de um casal de idosos que se conheceram no final da vida. Onde o amor, como sempre triunfante, ficou para os unir.

História comovente de avós apaixonados

O cenário desta história de amor se passa em Campinas, São Paulo, Brasil. Ela atende pelo nome de Branca, uma avó amorosa de cerca de 96 anos. Enquanto Marcelino, robusto e carinhoso, tem 100 anos muito bem preservados.

Para se conhecerem, soube que Branca e Marcelino eram viúvos. O engraçado é que ambos estando no vestígio de suas vidas, eles se apaixonaram. Encontrar nos seus olhos um amor incrível, verdadeiro e tranquilo que os renova e os faz sentir jovens.

Marcelino comentou:

“Desde o primeiro momento em que a vi, há pouco mais de alguns anos, soube que Branca era o amor da minha vida e tinha que fazer algo para poder conquistá-la.”

Enquanto sorria ao ver Branca, ele continua com suas palavras:

“Amor puro! Ela me faz sentir como um adolescente apaixonado.”

Formalizando o relacionamento

Depois de terem passado um tempo juntos, o amor começou a surgir e de alguma forma eles tiveram que formalizar seu relacionamento. Bem, o tempo foi um fator que trabalhou contra eles.

Em outras declarações, Marcelino expressou o seguinte:

“O que eu senti por Branca foi amor à primeira vista.”

Embora muitas pessoas possam pensar negativamente e que é inútil que o romance dos idosos seja consagrado, este casal demonstrou o contrário.

Uma de suas cuidadoras, Monise Faria Cecílio, disse:

“Ela sai do quarto dela, vai pro quarto dele e vai conversar com ele, vai dar bom dia pra ele, e dá um beijo nele, sabe? Todo esse cuidado. Se ele se descobrir, ela vai e o cobre, ajeita o travesseiro. Sempre cuidando dele”, destacou.

Mas para Branca e Marcelino, se apaixonar fez com que se sentissem joviais novamente. Se aventurar nas redes do amor, onde a alegria e a ternura continuaram em vigor.

Unindo vidas em uma bela celebração

A mesma sala que aprovaria seu magnífico amor seria o lugar perfeito para realizar sua cerimônia. A nomeação ocorreu no dia 29 de fevereiro de 2020 onde parte de familiares, colegas e amigos de sua residência foram testemunhas de tão preciosa união.

Flores não faltaram, comida deliciosa e o entusiasmo de todos. Claro, alguns anéis de casamento sagrado seriam os laços perfeitos para jurar amor, um pelo outro.

Onde muitas pessoas veem um casal de idosos cumprindo uma última vontade, para outras é uma inspiração. Já que se contempla que os melhores anos de vida são os “jovens”, mas se esquece que nunca há idade para o amor.

Deixe um comentário