Kokedama: A técnica japonesa para decorar sua casa com plantas sem vaso

You are currently viewing Kokedama: A técnica japonesa para decorar sua casa com plantas sem vaso

Ter plantas de interior se tornaram uma tendência não só para embelezar nossa casa, mas também para cuidar da nossa saúde por purificar o ar que respiramos naturalmente. 

Se você não tem muito espaço, vai adorar os kokedamas: a técnica japonesa para decorar sua casa com plantas SEM VASOS.

O que são kokedamas?

Os kokedamas é uma técnica japonesa com mais de 500 anos para cultivar plantas sem usar vaso, sei que parece estranho, mas essas são substituídas por bolinhas de musgo que além de conter o substrato para o cultivo da planta, também retém umidade e fornece um belo design para destacar qualquer espaço da casa. 

Os kokedamas são perfeitos para pequenas residências, pois não ocupam muito espaço, agregam beleza e originalidade, mas o mais importante é que as plantas de interior ajudam a purificar o ar eliminando as toxinas, pois liberam oxigênio e absorvem dióxido de carbono, algo extremamente benéfico, principalmente para pessoas com asma.

Como fazer um kokedama em casa?

Embora qualquer tipo de planta possa ser cultivada com esta técnica japonesa, a verdade é que fitas, hera, samambaias, coleus e suculentas são as mais recomendadas para que seus kokedamas sejam mais resistentes, aqui compartilho como fazê-los em casa.

Você vai precisar: 

  • Uma planta
  • Solo, funciona melhor se for uma mistura de turfa com solo para bonsai (akadama).
  • Argila
  • Musgo
  • Fibra de coco (opcional)
  • Fio ou barbante

Passos a seguir:

Passo 1. Umedeça a mistura de substrato de bonsai com argila e amasse até obter uma espécie de argila consistente, mas não exagere para que a mistura não fique muito líquida. Quando estiver com a consistência certa, prepare uma esfera com ela e na parte superior faça um furo onde colocará a planta para que fique bem centrada.

Passo 2. Retire a planta do vaso onde está e coloque dentro do kokedama sem danificar as raízes, cubra as partes vazias com um pouco mais de terra para não deixar raízes expostas.

Passo 3. Umedeça um pouco o musgo, cubra a superfície do seu kokedama e se quiser pode usar fibra de coco para embrulhar a esfera, basta girar até que a planta esteja firme e contida.

Por fim, encontre um espaço para colocar sua planta e dar mais alegria ao seu lar, você pode colocá-la em um prato decorativo com pedrinhas ou pendurar no teto. Alguns cuidados que você deve levar em consideração para que seu kokedama dure por anos:

Rega por imersão: mergulhe o seu kokedama num recipiente com água, quando parar de fazer borbulhas será altura de o retirar da água, deixe escorrer até não pingar e volte a colocá-lo no seu lugar.

A rega dependerá da planta que você possui, embora a regra geral seja regar uma vez a cada 15 dias no inverno e duas vezes por semana no verão.

Nunca o exponha ao sol direto para que o musgo não seque excessivamente, o lugar ideal seria colocar em um local claro onde os raios do sol direto não o alcancem, ocasionalmente adicionar um pouco de fertilizante líquido à água de irrigação para fornecer um suprimento extra de nutrientes. 

Agora que você sabe o que é e como é feito um kokedama, não espere mais para dar um toque diferente à sua casa, tenho certeza que você vai adorar.

Deixe uma resposta