Nunca mande uma criança engolir o choro – O motivo é surpreendente!


Quando crianças ao prestarmos atenção, acabamos por perceber que algumas mães ao brigarem com seus filhos e os ver chorando, pediam para que a criança engolisse o choro. O que não se sabe, é que essa prática pode acabar sendo um problema para o psicológico e o futuro de uma criança.

O choro é uma reação instantânea, que pode ser ativada por diversas emoções, como alegria, tristeza, dor, frustração e outros. Quando se tem a atitude de reprimir esse choro, com ele acabamos por reprimir a emoção que vem em conjunto com ele, o que pode gerar um desgaste mental gigantesco, que pode não ser percebido a curto prazo, mas, ter sequelas a longo prazo.

Quando essa situação acaba se repetindo por muitas vezes, a criança tende a desenvolver um psicológico, que mais a frente, em sua vida adulta pode criar um adulto com diversos problemas, incapaz de lidar com os seus próprios sentimentos, que está sempre reprimindo suas emoções e que não consegue se abrir sobre nada que o deixe magoado ou triste.

Por ter vivido toda sua infância construindo o hábito de repressão, a criança acaba por acumular muito lixo emocional, que poderia simplesmente ter sido liberado caso os pais entendessem que o choro pode ser muitas vezes libertador.

Por mais que possamos pensar nessa história como algo do passado, de nossa época de criança, mesmo hoje, muitos pais ainda insistem em criar seus filhos dessa mesma maneira.

Cientificamente, é necessário deixar que uma criança chore, pois esse é um manifesto de defesa do seu corpo, e pode muitas vezes ser sua forma de comunicação, em casos de estar passando por momentos de dor, alegria, sofrimento ou prazer.

Segundo especialistas, chorar é algo natural do corpo humano e faz bem à saúde, mas, devemos sempre estar trabalhando educativamente a forma de expressão para esse choro.

Essa parte educativa fica a cargo dos pais, que por sua vez devem entender que não permitir que a criança chore, é como apagar fogo com álcool, alimentando ainda mais a frustração e gerando mais a frente, um fogo ainda maior, uma consequência maior e que pode vir a afetar a todos a sua volta.

A melhor reação ao choro de uma criança, é parar e escutar. O simples fato de se estar ao lado da criança, demonstrando que se importa com a situação, pode auxiliar no processo de amadurecimento emocional. Não é necessário oferecer brinquedos ou outras formas de consolo, deixe que a criança entenda, que liberar o choro é de muitas forma terapêutico.

Para os pais, pode ser muito difícil as vezes descobrir o motivo da criança estar chorando, e por vezes, pode até ver que o pequeno está a chorar por uma besteira.

Mas, o que os pais muitas vezes não param para pensar, é que no final das contas, a criança pode estar acumulando chateações ao longo do dia ou semana, e quando é contrariada ou retrucada, acaba despejando toda a frustração naquele pequeno momento que acaba servindo como um gatilho. Esse processo é natural, e até mesmo ocorre conosco, quando já somos adultos.

Por esse motivo, é fundamental ensinar a criança a lidar com seus próprios sentimentos e ajudá-lo a assimilar as diferentes emoções, para que a frente, ele possa se expressar por palavras, ao invés de chorar. Outra questão muito importante, é saber conversar com seu filho, demonstrando empatia e indicando que você também já passou por aquela mesma situação, e que é normal se sentir frustrado.

Essa aproximação é importante para estreitar o elo entre os pais e filhos, e responsável por fazer a criança se sentir mais compreendida. Além de tudo, esse processo pode fornecer para a criança uma nova visão de como lidar com suas emoções, o ajudando a se expressar melhor no futuro.

Porém, caso perceba que sua criança está chorando frequentemente, por pequenas coisas ou por motivos que você não consegue compreender, é sempre aconselhado que procure um profissional, para que juntos possam descobrir qual a motivação e o melhor caminho para melhora.

Agora que você entende melhor sobre como pode ser prejudicial essa repressão, procure sempre compreender melhor seus pequenos, e se lembrar que tudo que você planta na infância de uma criança, ela colherá em um futuro como adulto.

O aprendizado de pais e filhos é mútuo, e o amor deve ser sempre seu guia, aproveite as fases e faça desse momento o mais lindo e de conhecimento de suas vidas.


Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *