Profol engorda?


Confira abaixo porque o Profol engorda, veja também os principais efeitos colaterais desse medicamento.
Profol
O que é o Profol?
O Profol é um medicamento utilizado como suplementação alimentar, que possui entre suas principais substâncias ativas a Lisina e Buclizina.
O Profol é de uso oral e é indicado para pessoas que sofrem de falta de apetite, além de carências nutricionais. 
Sua função é fazer com que as vitaminas e ao aminoácidos contidos nos alimentos ingeridos sejam melhor aproveitados pelo organismo.
Indicações do medicamento
O Profol é indicado a pessoas que necessitam de um estimulante do apetite, suplemento vitamínico para idosos, crianças e adolescentes em fase de crescimento, recém-nascidos e lactantes.
Componentes
A ação da substância buclizina é estimular o apetite e auxiliar diretamente no ganho de peso e no aumento do crescimento.
A lisina e o triptofano são dois aminoácidos que são considerados essenciais para o anabolismo protético e o equilíbrio nitrogenado, para auxiliar principalmente no crescimento.
A Piridoxina é muito importante para o metabolismo dos ácidos graxos essenciais, e ainda no metabolismo de outros vários aminoácidos. Ela ajuda na prevenção de doenças como o stress, a insônia, a anorexia, dermatites, seborreia, entre outras.
Efeitos colaterais do medicamento
O uso regular do Profol pode vir a gerar sonolência, secura nos lábios e distúrbios gástricos.
Profol engorda?
Sim. O profol é um suplemento alimentar que estimula o apetite. Muitos médicos prescrevem o medicamento para pessoas que precisam ganhar peso.
O Profol é administrado antes as refeições para fazer com que o paciente passe a se alimentar de forma melhor, ingerindo uma quantidade maior de alimentos. Assim, com a administração do remédio por determinado período de tempo o paciente deverá engordar.
O Profol ainda pode auxiliar no crescimento, já que provoca o aumento de apetite e pode ser utilizado por crianças e adolescentes em fase de crescimento.
Informações importantes 
– O Profol engorda, pois é estimulante do apetite que também supre algumas substâncias essenciais do organismo.
– O medicamento precisa ser receitado por um médico ou profissional da saúde, assim como é ele quem deve prescrever a dose indicada de acordo com a necessidade de cada paciente.
– Verifique sempre os prazos de validade do medicamento.

Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *