Queda de cabelo feminino tem cura? O que fazer?


A calvície é algo muito comum para os homens, porém de uns tempos pra cá esse problema tem crescido de forma muito acelerada também nas mulheres.

A queda de cabelo feminino pode ser causada por fatores genéticos, por disfunções hormonais, disfunção emocional, anemias e hipotireoidismo que é a alteração da tireoide.

É confirmado por pesquisar que até 30% das mulheres com idade superior a 50 anos tem algum tipo de problema com a queda de cabelo. Sendo que raramente acontece de uma mulher ficar completamente careca.

Os sintomas da calvície feminina são diferentes dos sintomas masculinos e por isso é preciso estar atento aos acontecimentos para identificar o problema. Geralmente o que ocorre é um tipo de afinamento progressivo dos fios de cabelo em mulheres de 30 anos para frente.

Queda de cabelo feminino tem cura sim – confira o tratamento logo abaixo

Inicialmente, o que se deve fazer é tentar descobrir qual o motivo que está causando a queda dos fios de cabelo. Se isso não puder ser verificado analisando as circunstâncias e o próprio comportamento, então o ideal é procurar um dermatologista para fazer a avaliação do caso.

Feita essa avaliação, é necessário que um médico especialista faça a indicação da forma correta de tratar o problema.

Cada tipo de patologia tem características próprias, e, portanto, os tratamentos podem variar de acordo com a origem do problema.

Os tratamentos passam por um processo onde primeiramente busca-se corrigir a causa da queda dos cabelos. Ou seja, feita a identificação o passo seguinte é estabelecer uma forma de corrigir o princípio do problema.

Posteriormente passa-se ao uso de medicamentos tópicos que estimulem o crescimento dos fios. Ou seja, remédios via oral que trabalhem no tratamento dos bulbos capilares para estimular o crescimento dos fios.

Então, caso esse procedimento não seja suficiente é necessário passar para tratamentos mais intensos como por exemplo o uso de laser para estimular o crescimento dos fios.

Em casos mais drásticos, onde os pacientes perdem uma grande porcentagem dos cabelos é necessário fazer o transplante capilar que é a implantação de novos fios no couro cabeludo.


Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *