Segundo estudo, amor entre cachorro e dono é o mesmo da mãe e filho – Você concorda?

Segundo estudo, amor entre cachorro e dono é o mesmo da mãe e filho – Você concorda?

Soa muito estranha esta frase acima mas agora não são só palavras, tem um estudo que comprova esta tese.

A pesquisa feita na universidade japonesa Azabu comprovou que realmente existe este vínculo singular entre o homem e o cachorro.

E este vínculo é ativado por um processo dos hormônios quando há um contato visual entre o ser humano e o cachorro, muito semelhante ao que ocorre entre a mãe e seu filho.

Os olhares fazem aumentar a ocitocina no cérebro, hormônio responsável pela conduta inconsciente de pai e mãe. Esta ocitocina também atua no neurotransmissor no cérebro. Também é essencial para o reconhecer e estabelecer vínculos sociais.

É o mesmo processo para formar relações de confiança. Os pesquisadores pegaram vários cachorros e os deixaram com seus donos em um quarto.

Os cientistas iam observando a interação de cada animal com seu dono por 30 minutos.  Na sequência, mediram os níveis de ocitocina nas urinas dos donos e de seus cães.

Eles notaram que o contato visual constante entre o cão e seu dono, aumentava os níveis do hormônio nos cérebro deles.

Em uma outra pesquisa, os cientistas resolveram passar ocitocina no focinho de alguns desses cães e os colocaram em um quarto junto com seus donos e com pessoas desconhecidas também.

O resultado foi que os cachorros ficaram a maioria do tempo olhando para os seus donos. Isto após 30 minutos, fez os níveis de ocitocina crescessem neles e nos seus donos.

Este aumento do hormônio ocitocina que acontece quando os cão e seu dono se olham criam e fortalecem um laço emocional entre eles; assim como é o vínculo entre mãe e filho.

Deixe uma resposta